sábado, 18 de setembro de 2010

Video Arte

No decorrer de cada semana conhecemos um pouco mais sobre a criação de artes usando de outras ferramentas além de pincéis, grafites, e outros. Procuramos explorar nossa capacidade criativa visando expandir além do que acostumamos ver e fazer, nosso vídeo "contradições" nos remete para esse olhar crítico ao perceber a verdadeira arte em nossa volta, até que ponto dizer que algo é arte?
  Questionamento como esses foram durante muito tempo reflexos daquilo que assimilamos durante toda nossa aprendizagem escolar, onde se ensinava que o bonito deveria ser sempre valorizado, sentido e exposto ao público, entretanto nessas ultimas experiências que obtivemos notamos que podemos extrair de nosso redor muito mais do que a natureza oferece. Sendo assim ao discurtimos o assunto percebemos que poderíamos encontrar sim um modo de transmitir a arte, porém de outro ângulo que não costumamos observar.
"contradições" fazem uma mistura do belo/bonito com o belo/feio onde as mesmas coisas dividem e disputam o mesmo espaço, para isso utilizamos de imagens atuais para mostrar essa disparidade tão comum em nosso meio social e que muitas vezes passam despercebidos em nossos olhos, porque então não considerar essa junção de realidades para formar um objeto da arte? Dessa maneira, a criação, pois, conseguimos sentir, analisar, criticar e expressar através de outros pontos fundamentais que dão caracteristicas de nosso modo de criar e observar.
Para finalizar acretidamos que o envolvimento com esse trabalho e a conclusão do mesmo, nos possibilitou um encontro com um novo tipo de arte da qual não conhecímos profundamente, além de saber como posso criar outros tipos de arte que também conhecemos e voltamos um nosso olhar para nossa própria realidade onde não precisamos necessariamente de algo bonito ou belo para expressar aquilo que sentimos e desenvolvemos. Cada um de nós possui sua maneira peculiar e individual de criar seja essa forma "bizarra" ou não, o importante em sí é construir o nosso próprio mundo ao nosso redor, mesmo de maneira "embaralhada" como realizamos em nosso trabalho.    

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário